Aprimoramentos sugeridos à ISO 37120 “Cidades e comunidades sustentáveis” advindos do conceito de cidades inteligentes ||| Enhancements for ISO 37120 “Sustainable cities and communities” from smart city concept

[Smart City/Cidade Inteligente – Imagem: Tumisu/Pixabay]


Resumo


Cidades inteligentes são aquelas onde se utiliza tecnologias de informação e comunicação visando à gestão eficiente no uso de recursos e uma maior participação cidadã. Nelas, sustentabilidade é um importante objetivo, levando pesquisadores a adotar a expressão “cidades inteligentes sustentáveis”. Para atingir esse objetivo, são necessários sistemas de avaliação por indicadores, direcionando políticas públicas e investimentos, comparações entre cidades e reprodução de bons exemplos. O mais importante desses sistemas é proposto pela norma ISO 37120:2018 “Sustainable cities and communities – Indicators for city services and quality of life”. Entretanto, seriam necessários indicadores específicos para adequada avaliação de cidades inteligentes, considerando suas características particulares e seu foco sustentável. Diante desse cenário, por meio de uma revisão bibliográfica, pesquisou-se por estudos anteriores que pudessem ser referência em indicadores sobre cidades inteligentes, complementares à ISO. As pesquisas consideradas nessa revisão possuem visão holística de cidades. Como resultado, foram obtidos indicadores com variáveis qualitativas e quantitativas ordinais, e alguns indicadores em sobreposição aos presentes na ISO. Ao final da pesquisa, são sugeridas melhorias com o incremento aos indicadores sugeridos e modificação de alguns segundo o conceito de cidades inteligentes.

Palavras-chave: Cidades inteligentes. ISO 37120. Cidades inteligentes sustentáveis. Indicadores. Medição de desempenho.

Abstract


Smart cities are cities where information and communication technologies are used to achieve an efficient management of resources and to increase citizen participation. To achieve sustainability is on of the main goals of these cities, leading researchers to adopt the expression “smart sustainable cities”. In order to achieve this goal, the following tools are necessary: assessment systems to target public intervention and investments, comparisons between cities and the replication of good examples. The most important assessment system is proposed by the standard ISO 37120:2018 “Sustainable cities and communities - indicators for city services and quality of life”. However, an appropriate assessment of smart cities requires specific indicators that take into account each city’s specific characteristics and their sustainability focus. Hence, a literature review was performed, searching for previous studies that could be used as references for smart cities indicators systems, complementing the current ISO standard. The studies considered in this review take a holistic view of cities. As a result, this research project obtained indicator systems with ordinal quantitative and qualitative variables, as well as some indicators that overlap with ISO ones. As a conclusion, this study suggests two improvements: increasing the number of indicators suggested by ISO, and modifying some of the overlapping ones, so that they are in line with the smart cities concept.

Keywords: Smart cities. ISO 37120. Smart sustainable cities. Indicators. Performance measurement.

Mais detalhes

Download PDF: clique aqui.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário a seguir. Grato pela visita.